preterismo

O QUE É PRETERISMO?

O que é Preterismo? O preterista (“passado”, em latim) acredita que a maioria, se não toda a profecia, foi cumprida na época da destruição de Jerusalém em 70 d.C.

O historicista equipara boa parte da era da Igreja atual com o período da Tribulação.

Assim, a profecia tem sido e será cumprida durante a era da Igreja atual.

Os futuristas geralmente acreditam que quase nenhum evento profético esteja ocorrendo na era da Igreja atual, mas ocorrerão nos seguintes eventos futuros: o período da Tribulação, a segunda vinda, o Milênio, e o estado eterno.

O idealista acredita que a Bíblia não indica o tempo exato dos eventos proféticos e que não podemos determinar o seu tempo exato com antecedência.

Portanto, os idealistas vêem as passagens proféticas como grandes verdades a respeito de Deus para atualidade.

O QUE É O PRETERISMO?

Os preteristas acreditam que as principais porções proféticas das Escrituras, tais como o Sermão do Monte e o livro de Apocalipse, foram cumpridas na destruição de Jerusalém pelos romanos em 70 d.C.

Eles defendem este ponto de vista porque Mateus 24.34 e suas passagens paralelas dizem: “Não passará esta geração sem que todas essas coisas aconteçam”.

De acordo com sua interpretação, as profecias tinham de ser cumpridas no século I.

O livro de Apocalipse, segundo os preteristas, diz algo similar nas passagens que afirmam que Cristo virá “em breve” ou que a sua volta está “às portas”.

Se estas profecias tivessem de ocorrer no século I, então o restante da linguagem profética deve ser aplicado a um cumprimento local em Jerusalém, em vez de ter um cumprimento mundial.

A maioria dos preteristas acredita que estamos vivendo atualmente em um novo céu e uma nova terra, pelo fato de interpretarem que todo o livro de Apocalipse teve cumprimento no século I.

Veja também: Curso de Escatologia.

A RESPOSTA AO PRETERISMO

Devido à atual disseminação do preterismo, pastores e professores precisam estar preparados para defender a escatologia ortodoxa deste ataque.

Aqueles que acreditam que Cristo veio em 70 d.C. certamente não serão encontrados aguardando a volta do nosso Senhor a qualquer momento, quando Ele arrebatará a Igreja sem qualquer sinal ou aviso.

Pois, eles mal podem obedecer ao mandamento do nosso Senhor de vigiar até que Ele venha (Mt 24-42).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.