3 verdades sobre a Ceia do Senhor – Pregação em 1 Coríntios 11:23-34

Ceia do Senhor - Pregação em 1 Coríntios 11:23-34

Esboço de pregação curta sobre a Santa Ceia em 1 Coríntios 11:23-34 com o tema: 3 verdades sobre a Ceia do Senhor.

Tema: 3 verdades sobre a Ceia do Senhor

Texto desta pregação: 1 Coríntios 11:23-34

Introdução

A primeira carta aos Coríntios foi escrita pelo apóstolo Paulo para abordar uma série de questões e problemas enfrentados pela igreja em Corinto.

No contexto de 1 Coríntios 11:23-34, Paulo está discutindo a conduta apropriada durante a celebração da Ceia do Senhor. Ele repreende os coríntios por seus comportamentos divisivos e irreverentes durante esse sacramento sagrado.




Paulo recorda-lhes a importância da Ceia como uma expressão de comunhão com Cristo e entre os irmãos. Ele enfatiza a necessidade de examinar os corações antes de participar, alertando sobre os perigos de fazê-lo de maneira indigna.

Este contexto ressalta a seriedade da Ceia do Senhor como um momento de profunda reflexão, gratidão e comunhão com Cristo e com a comunidade cristã.

Nesta pregação, vamos falar de 3 verdades sobre a Ceia do Senhor.

1. Celebrando a Gratidão (1 Coríntios 11:23-24)

  • A Ceia do Senhor é um ato de gratidão pelo sacrifício de Jesus Cristo.
  • Ao partilharmos do pão e do cálice, expressamos nossa gratidão pelo amor incondicional de Deus manifestado através da morte e ressurreição de Jesus.
  • A gratidão nos leva a reconhecer a bondade de Deus em nossas vidas e nos motiva a viver uma vida de louvor e serviço ao Senhor.

2. Lembrando de Jesus (1 Coríntios 11:25)

  • A Ceia do Senhor é um memorial do sacrifício de Jesus Cristo.
  • Ao participarmos da Ceia, lembramos da paixão, morte e ressurreição de Cristo, renovando nossa fé e esperança na salvação que Ele nos oferece.
  • A prática de lembrar de Jesus nos conecta com a história da redenção e fortalece nossa identidade como discípulos de Cristo.

3. Examinando o Coração (1 Coríntios 11:28)

  • A Ceia do Senhor nos convida a examinar nossos corações diante de Deus.
  • Antes de participarmos da Ceia, devemos examinar nossas vidas, confessar nossos pecados e buscar a reconciliação com Deus e com nossos irmãos.
  • O autoexame nos lembra da necessidade contínua de arrependimento e transformação, conduzindo-nos a uma vida de santidade e comunhão mais profunda com Deus.

Conclusão sobre a Ceia do Senhor

Amados, vamos participar da Ceia do Senhor, ser renovados em gratidão, lembrança e autoexame.




Vamos deixar que nossos corações transbordem de louvor pelo sacrifício de Cristo, que nossas mentes sejam permeadas pela memória de sua obra redentora e que nossas vidas sejam transformadas pela constante busca de santidade.

É tempo de vivermos de acordo com o exemplo de amor e serviço deixado por Jesus. Que, unidos em comunhão, possamos proclamar sua morte até que Ele venha.

Então, que possamos responder a este convite com um coração aberto e comprometido. Amém.

Confira mais esboços de pregação.




Sobre o Autor

Professor André
Professor André

Formado em Teologia, Tecnólogo em Gestão da Qualidade, Professor de cursos de Homilética, Exegese e Hermenêutica, André ministra na EBD e escreve para a Biblioteca do Pregador. "Fico feliz em compartilhar meus conhecimentos aqui no Conselho de Pastor".