Os 7 Pecados que Levaram o Juiz Sansão à Ruína

Estudo Bíblico Os 7 Pecados que Levaram o Juiz Sansão à Ruína

A história do Juiz Sansão é como uma pérola linda que foi avariada e não dá para dourar ou polir.

Famoso por sua extraordinária força física e grande fraqueza espiritual, este juiz marcou as páginas das escrituras sagradas com sua história de pouco heroísmo e muito fracasso.

Portanto, em no Juiz Sansão vemos um homem que recebeu muito de Deus, mas que esteve disposto a sacrificar muito pouco ou nada por si mesmo. Isto foi a causa de seu fracasso na sua carreira com Juiz do povo de seu Deus.

Neste estudo Bíblico, exploraremos os 7 pecados que o Juiz Sansão cometeu que o levaram à ruína.




1° A Desejo do Juiz Sansão pela Filisteia de Timna

O Juiz Sansão tinha uma inclinação natural para se inclinar àquilo que não agrada a Deus. Ele é o oposto de homens como Jó. Enquanto este era íntegro, reto, temente a Deus e que se desviava do mal, aquele juiz é apresentado como desastrado, “embriagado”, que não teme a Deus, e que corre para o mal.

Assim, vamos ter um Juiz que vai ser profano, irreverente e que irá jogar toda sua vida fora, por meros desejos da mocidade.

Sansão desejou a filisteia e pediu a seu pai que a Pedisse em casamento para ele. Talvez, ele já tivesse dado boas voltas na terra dos filisteus. Porém, a Bíblia diz que ele desceu a Timinate, sugerindo algo inédito (Jz 14:1-3).

As Duas Formas de Manifestação da Vontade de Deus

Aqui podemos observar um ponto bastante crítico na teologia. Notamos que o texto vai dizer que Sansão se apaixona pela jovem, porém, seus pais discordaram, todavia não sabiam que “aquilo vinha do Senhor, pois procurava ocasião com os filisteus (Jz 14:3-4).




Bom, para entender essa questão precisamos ter cautela. Primordialmente devemos saber que existem duas formas da vontade de Deus se manifestar. A primeira é a “vontade perfeita”, a segunda é a “vontade permissiva” de Deus.

Assim, entendemos que a atitude do Juiz Sansão de ir a Timnate não fazia parte da vontade perfeita de Deus, mas o Senhor, vendo que ele estava decidido a ir, permitiu. Portanto, vontade permissiva.

É triste quando o crente não desvia o olhar daquilo que não agrada a Deus, ele tende a se tornar prisioneiro por aquilo que entra pelos olhos. Sansão disse a seu pai: “Toma-me esta, porque ela agrada aos meus olhos” (Juízes 14:3).”

Naquelas condições, o Jovem Juiz já estava cativado pelos desejos carnais. Todavia Deus ainda não o havia abandonado. Porém, é importante salientar, Deus nunca aprovou a sua inclinação àquele pecado, e a primeira queda abriu espaço para segunda.




2° O Contato de Sansão com o Leão Morto às Escondidas;

O Juiz Sansão, de viagem com seu pai e sua mãe à casa de sua futura esposa, enfrentou um leão perto de uma vinha (Jz 14:5-9). Percebemos aqui que ele estava caminhando em um local que só tinha “fruta” proibida (Jz 13:5-7).

Mais adiante iremos ler sobre sua ida ao vale de Soreque, este nome quer dizer: “vinhas escolhidas”, e foi lá que ele achou Dalila (Jz 16:4).

Bom, neste trecho que ele passou para chegar até à casa da moça lemos sobre essa luta dele com um filho de leão. O Espírito de Deus se apodera dele e o livra.

Depois de tudo, ele passa pelo local e vai ver o corpo do leão apodrecido. Fica evidente que ele não tinha respeito pela presença do eterno.




Podemos ver aqui o Jovem Juiz rebelde às leis de Deus, enquanto o Senhor sempre é misericordioso o livrando do mal.

3° A Amizade com Aqueles que Eram Inimigos do Povo de Deus

O Jovem noivo, rebelde como era, continuava mergulhado naquela situação complicada. Para aumentar seu vínculo com os filisteus, trouxeram trinta jovens descendentes daquele povo para fazerem amizade com ele (Jz 15:1-2).

Querido irmão(ã), a pior coisa é quando há amizade entre a igreja e o mundo, nunca termina bem. O crente não pode participar da comunhão com os irmãos ao mesmo tempo que se abraça com pessoas que são contra nossos princípios.

Muitos ainda vão além e aplaudem suas obras. Por exemplo, como podemos glorificar a Deus, orar por nossos irmão missionários, ao mesmo tempo que votamos em partidos que apoiam países comunistas?




Não dá para acreditar na fé, nem na conduta moral de um homem que diz que serve a Deus e está ali para livrar o seu povo, a herança do seu Deus, ao mesmo tempo que bebe e se diverte com inimigos do povo que ele diz defender.

Triste pecado que eu queria que não existisse, mas talvez existe para revelar os verdadeiros homens e mulheres de Deus.

5° Ter Ido a Gaza Manter Relação com uma Prostituta

A ida do Juiz Sansão a Gaza foi uma das “fugidas” que ele deu (Jz 16:1-2). Atitudes erradas sempre repetidas geram escravidão espiritual.

A Bíblia diz que “aquele que, sendo muitas vezes repreendido, endurece a cerviz, será quebrantado de repente sem que haja cura” (Pv 29:1).




6° Por ter ido ao Vale de Soreque – O Juiz Sansão ali Sedimentou sua Própria Queda

“E depois disto aconteceu que se afeiçoou a uma mulher do vale de Soreque, cujo nome era Dalila” (Jz 16:4).

Este, sem dúvidas, foi o maior erro de Sansão. Como já relatado acima, Soreque quer dizer: “vinhas escolhidas”.

Assim, essa parte da história de Sansão levanta esta questão: “o que tu, sendo Nazireu, fazes no meio de uma plantação de uvas nobres?”

Esse juiz é o modelo do crente que brinca com o pecado. Ele fala que vai ao bar só tomar guaraná com os amigos, vai para a balada noturna “levar” a palavra de Deus.

Amados, sejamos vigilantes. O inimigo de nossas almas conhece todo nosso ponto fraco, ele nunca nos testará naquilo que sabe que podemos resistir com mais facilidade.

Precisamos ficar longe daquilo que nos atrapalha espiritualmente.

7° Ter se Relacionado com a Prostituta Dalila

E depois disto aconteceu que se afeiçoou a uma mulher…, cujo nome era Dalila. (Juízes 16:4)

Dalila quer dizer: “delicada”. ela era uma mulher vulgar, muito astuta e vigarista. A mãe de Lemuel deixou claro em provérbios 31, quando disse:

“Não dês às mulheres a tua força”…

Provérbios 31:3

Sansão, literalmente, deu a sua força de mãos beijadas à prostituta Dalila.

Ele representa os prazeres mundanos e obscenos, dos quais o jovem juiz já havia se tornado escravo a muito tempo.

É difícil entender como um homem tão usado por Deus podia ser tão fraco nesse sentido da vida. Ela consegue retirar dele o segredo de sua força, e o homem que outrora foi livrado por Deus, acabou se tornando escravo dos filisteus com os olhos vazados.

Satanás não brinca. Ao estudarmos sobre estes 7 pecados do Juiz Sansão, percebemos o quanto estamos perto dele.

Somos humanos. Porém, enquanto houver instrução, que possamos abraçar.

Se gostou do post, então continue em nosso site:

Sobre o Autor

Mesequias Maadson
Mesequias Maadson

Sou acadêmico de Letras e Teologia, poeta, escritor publicado e autor de livro. Com vasta experiência na liderança da E.B.D. da minha igreja por 10 anos, também auxiliei por alguns anos o pastor vice-presidente do ministério. Apaixonado por estudar a Bíblia, compartilho meus conhecimentos por meio de redações e comentários sobre os textos da nossa lição. Além disso, sou compositor de canções românticas e espirituais, disponibilizando músicas para cantores.